Troca de casais – Parte I

24 fev

É curioso como as coisas acabam acontecendo. Você se programa, sai de casa com a cabeça pronta para o que deseja que aconteça, vai a uma casa de swing, e nada acontece como você planejou. A noite não está boa, as pessoas não te agradam, não rola química. E nada acontece, só aquela frustração. Quantas vezes isso já aconteceu com todos nós, né?

E às vezes quando você menos espera, acontece de tudo. Sem programação, tudo na maior surpresa e comandado apenas pelo tesão. Eu gosto assim. E foi assim que aconteceu na praia, nesse final de semana.

Uns amigos nos convidaram para uma festa à beira da piscina, em um condomínio à beira mar. Pessoal animado, champanhe, um DJ tocando boa música, tudo ótimo e muito divertido. Logo nos enturmamos e conversávamos com todos à nossa volta. O casal anfitrião, os nossos amigos, não mediam esforços para deixar todos à vontade.

Nos acabamos dançando, e foi na pista de dança que conhecemos a Patrícia e o Marcelo. Dançando conosco e dividindo petiscos e taças de champanhe, nos divertíamos os quatro juntos. Os dois formavam um casal muito bonito e animado, trocavam carinhos e insinuações enquanto dançavam, sem perder a elegância, me levando a, como sempre faço, imaginá-los em ação. Gostei do que imaginei. rsrsrs

Não sei se por causa da minha imaginação, ou se por causa das taças a mais de champanhe, mas passei a olhá-los com mais interesse. Interesse esse que foi notado por eles e pelo Ricardo, que divertido, me olhava com um sorriso sacana no rosto. Então o DJ anunciou uma marchinha de carnaval, e sob o olhar dos dois homens, eu e a Patrícia nos esbaldamos na pista. Logo emendou um tema de escola de samba, e nós duas sambávamos alegremente, uma olhando nos olhos da outra, um olhar que demonstrava desejo e cumplicidade. De minha parte, desejo não nela, mas desejo de sacanagem. rsrsrs

Fomos juntas ao banheiro, e enquanto retocávamos o batom, ela disse que tinha adorado nos conhecer, que estava se divertindo muito. Eu agradeci e disse que também estava me divertindo, e que os dois eram muito animados e bonitos, um belo casal. Ela fez uma carinha sacana, e disse: “à disposição”. Eu sorri, como se tivesse levado na brincadeira, e ela, agora através do espelho, reiterou: “dos dois”. Piscou pra mim e disse que me esperaria na porta do banheiro. Gostei. Gosto de gente ousada.

Sentamos os quatro em uma mesa, à beira da piscina, e ficamos bebendo e conversando. Logo algumas pessoas pularam na água, e o Marcelo perguntou se não iríamos também. Respondi que estávamos sem roupa de banho, e ele prontamente respondeu que poderiam nos emprestar, já que a casa deles era também naquele condomínio, e que meu corpo e o da Patrícia eram parecidos. E a Patrícia, olhando pro Ricardo, emendou: “ou podemos ir lá pra casa, na nossa piscina, e não precisaremos de roupa de banho”. O Ricardo respondeu na hora que era uma boa idéia. E perguntou: “e tem champanhe?”, ela respondeu que sim. E, brincando perguntou pro Marcelo: “e não tem música de carnaval?”, ele respondeu que não, e o Ricardo levantou a taça e bradou: “então vamos!”. E os dois caíram na risada. Já ouvi dizer que homem só gosta de carnaval quando está solteiro, mas enfim…

Nos despedimos, os dois casais separadamente, dos nossos anfitriões, e seguimos o Marcelo e a Patrícia até a casa deles.

* * * *

Era uma casa belíssima, o andar de baixo era uma grande sala, com mesa de sinuca, cozinha americana, e ao fundo grandes portas de vidro levavam à piscina. Enquanto a Patrícia buscava a bebida e as taças, o Marcelo escolhia um som para escutarmos. Como sei que o Ricardo adora sinuca e seria meio estranho nós quatro arrancarmos a roupa e pularmos na piscina, fui até a mesa e lancei o desafio: “que tal um strip bilhar?”. A Patrícia, que vinha em minha direção com a champanhe e as taças na mão, se mostrou animada: “Eu aceito! Mas já aviso que não sei jogar direito, e serei a primeira a ficar nua!”, ela falou, rindo.

Inventamos umas regras malucas, onde os homens deixavam a bola quase na caçapa para nós, e quem errasse ia tirando a roupa. Dito e feito, em menos de 5 minutos a Patrícia estava apenas de lingerie. Uma calcinha minúscula se perdia em um belo bumbum, que ela se esforçava para exibir a todos nós. Os seios pareciam querer fugir do sutiã, atraindo olhares voluptosos do Ricardo. O Marcelo errou a jogada seguinte e tirou a camisa, exibindo também um belo corpo. A minha situação era um pouco mais complicada, pois estava apenas com um vestido, sem nada por baixo. Me esforçava para não errar.

O Ricardo errou e também tirou a camisa, exibindo um pedaço do corpo e várias tatuagens. A Patrícia chegou perto e passou a ponta dos dedos em algumas delas, elogiando-as. Percebi que o toque dela acendeu ainda mais o Ricardo, que ficou se segurando para não agarrá-la ali. Na rodada seguinte eu errei, e não tive escapatória. Ao som da música fui levantando o vestido devagar, rebolando de leve, sensualmente. O Ricardo já sabia, mas acho que a Patrícia e o Marcelo esperavam que eu tivesse ao menos de calcinha por baixo. Fiquei totalmente nua, ao som dos aplausos dos três. Notei que o Marcelo não tirava os olhos do meu corpo, e resolvi me exibir um pouco. Mesmo não sendo a minha vez, peguei o taco e debrucei-me sobre a mesa, mirando uma bola na caçapa. Me deixaram mirar, mas não me deixaram jogar. Safados! rsrsrs

Mais uma champanhe aberta, e os dois homens já estavam apenas de cuecas. A danada da Patrícia aprendera a jogar, e continuava desfilando ao redor da mesa apenas de lingerie. Entre uma tacada e outra o Ricardo me beijava, roçando o corpo no meu. O outro casal fazia o mesmo, e o tesão tomava conta do ambiente. Sentia o pau do Ricardo endurecendo sob a cueca, e olhava o volume crescendo também sob a cueca do Marcelo. Mas a Patrícia errou a jogada seguinte, e deu de presente aos dois rapazes um belo espetáculo enquanto tirava o sutiã. Soltou-o atrás, mas não deixou cair. Veio dançando sensualmente, e virando de costas para o Ricardo, deslizou o corpo no dele até o chão. Depois virou-se de frente e pediu que ele, com os dentes, segurasse a alça direita do sutiã. Inclinou o corpo para trás, e segurando o bojo esquerdo, liberou o seio direito. Cobriu-o com a mão, e foi até o Marcelo. Fez o mesmo movimento com o corpo no Marcelo, e deixou o sutiã na sua boca, preso pela alça esquerda. Cheio de tesão, ele puxou-a para si e o jogo acabou. Ele se jogou no sofá e fez com que ela sentasse no seu colo, de frente para ele, e abocanhou os seus seios. Eu cheguei mais perto do Ricardo para assistirmos coladinhos aquela demonstração de tesão…

CONTINUA…

20 Respostas to “Troca de casais – Parte I”

  1. especialista_discreto 24/02/2010 at 13:07 #

    SENSACIONAL relato…tomado de tesão e malícia, tudo acontecendo por acaso e se desenrolando através do desejo. Sem planejar..isso é demais. FANTASTICO.
    A mente do leitor viaja no ambiente de piscina e sinuca e 4 belas pessoas..
    Esperamos o desfecho ….

  2. Rique 24/02/2010 at 13:26 #

    Cada vez mais gostosos, seus contos. Verídicos ou não, são vividos com intensidade. Perfeição, ao vivo ou em pensamentos, a motivação é mais saliente e deliciosa. Obrigado pelo deleite com tanta história de tesão e paixão. Parabéns. A ambos.

  3. bob 24/02/2010 at 13:44 #

    Essa cena da sinuca me deixou hyper tarado, e as 10h40 da manhã, sacanagem rsrsrsrsrs

    Engraçado mesmo o começo do seu post, notei mesmo que tem dias que a gente tá com vontade de aprontar e não rola nada.

    • Nathalia (Íntimo & Pessoal blog) 24/02/2010 at 19:34 #

      Ah, Bob… Tem hora certa pra ficar tarado? rsrsrs

      Sacanagem mesmo, literalmente! rsrsrs

      Bjs

      • bob 24/02/2010 at 21:57 #

        You got a point hahaha… Mas a culpa é minha, quem manda ler o blog de vcs enquanto revisa a tese.

  4. Crisenta 24/02/2010 at 15:08 #

    Ui q sorte suas achar um casal que tivesse tanta quimica qto vcs… ja delirei aki com o ocmeço do relatooo.. queroo mais.. mais… mais… haha! Adoooroo passar por aqui, le o blog de vcs ja si torou qse uma terapia haha.. Beijoooooooos

  5. Braulio 24/02/2010 at 16:15 #

    Que delicia de texto. Ja estou viajando imaginando a continuacao…

  6. Pallu 25/02/2010 at 2:01 #

    Nossa muito BOM ….

    Que saudades que eu estava de ficar lendo e imaginando tudo isso…

    E olha que fazem dois meses que eu descobri o blog … mas parece que eu ja conheço a tempos … sou novinha ainda 19 anos apenas , mas quando eu crescer quero ser igual a Nathalia kkk³

    Adoros vc’s
    BEIJOS e estou esperando a continuação ….

  7. Casal Liberal de São Paulo 01/08/2010 at 20:03 #

    Na realidade o swing é isso mesmo. Porém para o seu completo entendimento devemos também conhecer suas variantes, entender as fantasias e os desejos dos praticantes e principalmente…compreender que existem regras e limites aceitáveis por parte de cada casal.

  8. Renato 13/08/2010 at 13:12 #

    Sugiro este livro. Li e gostei muito, pois me identifiquei com a história. O nomo é MARIÁLIS.
    Fora de Fortaleza ele só é vendido pelo correio através do site acima citado

  9. Kat e Ricl 11/10/2010 at 3:18 #

    Ola casal! adoramos esse blog! Ate nos inspiramos estamos na cam e gostariamos de poder tc cm vcs e quem sabe um dia nos conhecermos e fazer a mesma coisa. Bjus kathuska e ricardo

  10. Denis 29/11/2010 at 16:09 #

    Ja to mt fã d vcs!

  11. Extasetotal 17/04/2013 at 2:35 #

    Muito bom, matérias ótimas

    Parabéns pelo blog
    Equipe extasetotal.com.br

Trackbacks/Pingbacks

  1. Troca de casais – Parte II « Íntimo & Pessoal - 26/02/2010

    [...] Troca de casais – Parte II 2010 fevereiro 26 tags: íntimo, banho de porra, gozo, Nathalia, pessoal, porra no rosto, prazer, Ricardo, sexo com estranhos, sexo oral, tesão, troca de casais by Nathalia (Íntimo & Pessoal blog) Leia a primeira parte clicando aqui! [...]

  2. Tarde de Verão « Íntimo & Pessoal - 23/10/2012

    [...] sexual tradicional, adivinhem: tô em dúvida entre uma transa minha, do Ricardo e mais um casal (essa vocês já conhecem) e uma tarde deliciosa minha comigo mesma! rs Nada tradicional, não é mesmo? Como uma delas [...]

  3. O Rei Arthur e a Cabra Cega | Íntimo & Pessoal - 28/05/2013

    […] em uma festa na casa da Patrícia. Vocês já conhecem ela, tem alguns posts aqui no blog contato coisas que já fizemos juntas. Ela adora fazer festas na sua […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 14.991 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: